It – Capítulo Dois se mostra tão bom e assustador quanto o anterior

27 anos se passaram e o mal está de volta em Derry, com isso o grupo dos perdedores está de volta tendo que superar seus traumas do passado para enfrentar pennywise.

A direção de  Andy Muschietti continua como um reflexo do sucesso do longa de 2017 e da prioridade que o cinema de horror tomou dentro da cartela de filmes-eventos da Warner Bros. E ele aproveita bem isso e dirige It – Capítulo Dois, como se fosse o último filme de terror de sua carreira, já que ele busca aproveitar ao máximo o elenco que ele tem assim como efeitos práticos e prostéticos(que são excelentes), assim criaturas de CGI, que tem algumas falhas mas traz sequências bem “perturbadoras”.

Vale destacar que a volta do talentoso elenco mirim, sem dúvida o ponto mais forte do longa lançado em 2017, que está presente em alguns flashbacks.

Diferentemente do livro, o triângulo amoroso de It 2 não é muito convincente, por já chegar desbalanceado. No mais, Ryan e seu arco não têm o jogo de cintura ou a vocação para o lúdico que um filme como It 2 parece exigir.

Muschietti tentou tornar It – Capítulo 2 menos pesado, do que seu antecessor no que se diz respeito aos seus excessos, seja nas piadas autorreferentes com King, ou na metalinguagem aplicada.

Um ponto forte do filme é o humor que funciona muito bem ou até melhor do que em momentos de susto.

No fim das contas, ao final de seus 169 minutos, It: Capítulo 2 é um filme bom, mas como esperado não supera o primeiro.

Se você gostou não deixe de compartilhar o post com os amigos que você conhece nas redes sociais porque isso ajuda demais a gente.

Aproveite e salve o Compilação Nerd em seus favoritos (CTRL + D) para depois não esquecer de nos visitar sempre que desejar, pois ficamos muito felizes quando você vem aqui outras vezes, sério ;)

Agora que a notícia acabou assine nosso canal e fique por dentro de tudo que rola no mundo da cultura pop!

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here